PRF apreende cloridrato de cocaína: gera prejuízo de mais de R$ 185 mil ao crime

Com a apreensão, as organizações criminosas deixam de lucrar em torno de R$ 185.580,00
Por Alexandra Teodoro

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu, na madrugada de hoje (5), 1,031 Kg de cloridrato de cocaína durante fiscalização na BR 230, na região de Floriano. Uma pessoa foi presa.

Por volta de 3h30 de hoje a PRF deu ordem de parada a um ônibus que seguia de São Paulo para Valença do Piauí. No veículo, os policiais adentraram para realizar a fiscalização. Durante a abordagem, um dos passageiros, um homem de 26 anos, mostrava-se bastante nervoso.

Foto: AssessoriaCom a apreensão, as organizações criminosas deixam de lucrar em torno de R$ 185.580,00
Com a apreensão, as organizações criminosas deixam de lucrar em torno de R$ 185.580,00

Em busca minuciosa no veículo, os policiais encontraram 1,031 Kg de cloridrato de cocaína, dentro da mochila do passageiro, no compartimento superior de bagagens.

Com a apreensão, as organizações criminosas deixam de lucrar em torno de R$ 185.580,00. Além da droga, o passageiro transportava um videogame, bebidas e smartphones importados.

Diante disso, o homem e a droga foram encaminhados até a Polícia Civil de Floriano para adoção dos procedimentos cabíveis. O homem responderá por Tráfico de drogas e Descaminho.

Descaminho é um crime de ordem tributária, definido como iludir, no todo ou em parte, o pagamento de direito ou imposto devido pela entrada/saída no país.