Governador diz que taxa de assassinatos no Piauí é menor do Norte e Nordeste

Com 21,42 assassinatos por 100.000 habitantes, taxa no estado é a 9ª menor do país
Por Alexandra Teodoro

A taxa de assassinatos a cada 100 mil habitantes no Piauí foi a menor entre os estados das regiões Norte e Nordeste em 2020. Os dados foram divulgados na última sexta-feira (12) pelo Monitor de Violência do site G1, que usa como base os dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. No ano passado, 703 pessoas perderam a vida no estado de forma violenta. Com 21,42 assassinatos por 100.000 habitantes, a taxa piauiense foi a 9ª menor do país. O estado vizinho do Maranhão registou 27,34 e o Ceará ficou com o pior índice em todo o Brasil: 43,96.

Foto: wsascomGovernador Wellington Dias
Governador Wellington Dias

“Mesmo com um número de homicídios que considero elevado, o Piauí segue como o Estado com menos homicídios no Nordeste do Brasil e 9ª posição no Brasil. Tivemos uma redução no Nordeste em relação a 2017 e 2018. Com mais investimentos no PRO Segurança, chamamento de concursados e mais concurso para pessoal, mais viaturas e mais outros investimentos, esperamos reduzir mais ainda a criminalidade e homicídios em 2021”, afirmou o governador.

O secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Rubens Pereira, diz que o Governo do Estado está intensificando as operações que integram atuações das polícias estaduais para reduzir esses indicadores, especialmente nas chamadas “zonas quentes”, no norte do Estado (região de Luzilândia) e em Teresina. “Com essa determinação (de reduzir os indicadores negativos) o Governo autorizou nomeações de novos delegados, peritos e agentes. Também autorizou concurso para a PM (690 vagas), além de locar mais de 240 viaturas novas para os municípios do Piauí. Com essas medidas, acreditamos que sentiremos redução dos índices”, afirmou Rubens Pereira.

O ano de 2020 foi marcado por muitos investimentos na área de segurança pública. Além de melhorias e inauguração de delegacias, foram adquiridos equipamentos para vários setores e ainda realizadas ações e criados aplicativos que auxiliaram a melhor atender e proteger a população piauiense.

Entre os investimentos, destacam-se o novo Complexo de Delegacias Especializadas instalado no bairro Marquês, região norte de Teresina; a Patrulha Maria da Penha, o App Protege Celular, a nova sede do Instituto de Identificação em Parnaíba e unidade de segurança em Gilbués.

Saiba mais sobre: