Mais de 10 mil pessoas com deficiência são cadastradas em censo no Piauí

O objetivo do censo é a realização de políticas públicas voltadas para esse público.
Por Alexandra Teodoro

Após cinco meses de lançamento do projeto Piauí Inclusivo, cadastro de pessoas com deficiência da Secretaria de Estado para Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid), a Agência de Tecnologia da Informação do Piauí (ATI) divulgou relatório que aponta até o momento 10.212 pessoas cadastradas em 175 municípios piauienses. O objetivo do censo é a realização de políticas públicas voltadas para esse público.

O sistema que coleta dados dessas pessoas em áreas importantes como trabalho, saúde, educação e acessibilidade, foi desenvolvido pela ATI, fruto de uma parceria da Seid com o deputado estadual Franzé Silva.

“Essa é uma ideia pioneira. A ATI está contribuindo com a disponibilização da plataforma de um site, mais rápida e acessível para que através dos dados coletados o Estado tenha informações claras sobre a situação dessas pessoas em todos os municípios”, disse o diretor-geral da ATI, Antônio Torres.

De acordo com o secretário da Seid, Mauro Eduardo, foram capacitados para a utilização do sistema, representantes das secretarias municipais de assistência social, entidades que atendem pessoas com deficiência e conselhos municipais de defesa dos direitos das pessoas com deficiência em todos os municípios do Piauí.

Foto: AssessoriaO cadastro também pode ser realizado na sede da Seid que fica na Rua 7 de Setembro, s/n, bairro Centro.
O cadastro também pode ser realizado na sede da Seid que fica na Rua 7 de Setembro, s/n, bairro Centro.

“Nossa meta é que nós possamos em breve consolidar esses números e assim a gente poder saber a real situação das pessoas com deficiências nos nossos 224 municípios e em cima desse resultado, nós podemos desenvolver mais ações, mais políticas públicas que possam melhorar a vida dessas pessoas lá onde elas residem”, destacou o secretário.

Distribuição de tablets

A ATI e Seid fizeram doações de tablets para as entidades que atendem as pessoas com deficiência em Teresina para auxiliar na realização de cadastros do projeto Piauí Inclusivo – Cadastro da Pessoa com Deficiência.

As entidades beneficiadas foram AMA-PI; ACEP; ADEFT; APADA; Down Te Amo; Pestalozzi; APAE-TE; ASCAMT; AMH; CIES; Ana Cordeiro; NAAH/S; Equoterapia; CAS e Conede-PI.

O cadastro também pode ser realizado na sede da Seid que fica na Rua 7 de Setembro, s/n, bairro Centro.

Saiba mais sobre: