Deputado defende que PMs sejam incluídos entre os primeiros vacinados

Augusto considerou "absurdo" que detentos tenham mais prioridade que os policiais militares
Por Alexandra Teodoro

Usando o tempo de dois minutos, o deputado Coronel Carlos Auguto (PL) falou sobre o requerimento de sua autoria, no qual pede a inclusão dos policiais militares na lista dos grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, pois eles se expõem ao risco igualmente aos profissionais de saúde.

Foto: assessoriaDep.  Carlos Augusto
Dep. Carlos Augusto

Augusto considerou "absurdo" que detentos tenham mais prioridade que os policiais militares, lembrando que 20 PMs morreram de Covid-19 no Piauí.

Um pouco antes, a deputada estadual Teresa Britto (PV) havia usou os dois minutos para cobrar a ampliação de leitos hospitalares nos municípios mais afetados pela Covid-19. Ela disse que os município de Floriano e Picos são os menos estruturados. Defendeu também a reabertura dos hospitais de campanha de Teresina.

O deputado Merden Menezes (PSDB) lembrou que o pior da pandemia foi previsto pelas autoridades da Saúde, mas as ações do governo são diferentes do discurso, uma vez que não presta informações sobre a aplicação dos recursos enviados pelo governo federal. Ele considera inexplicável que profissionais de saúde não tenham direito ao 40% de insalubridade. Lamentou que o governador Wellington Dias tivesse ido a Piripiri, no início da pandemia, quando prometeu novos leitos e somente agora cumpriu a promessa.

O deputado João de Deus (PT) se associou à fala do colega Carlos Augusto ao defender a inclusão dos policiais da PM na lista de prioridades para a vacinação. João de Deus elogiou as ações do Governo Estadual no combate à covid-19, o que coloca o Estado como o terceiro no combate à pandemia. Ele criticou a oposição, que segundo ele é contra o lockdown e depois culpa o governo pelo aumento das mortes.

O deputado Gessivaldo Isaias (Repúblicanos) falou sobre projeto de sua autoria, que ainda não foi votado, defendendo que os professores sejam prioritários para a vacinação, como os que o são os idosos. o orador aproveitou para agradecer ao governador Wellington Dia por reconhecer necessidade da manutenção das atividades religiosas apesar dos protocolos de prevenção contra a Covid-19.

Destacou que todas as igrejas seguem rigorosamente a orientações da saúde e realizam campanhas para distribuição de cestas básicas às famílias mais necessitadas.

Francisco Lima (PT) falou sobre campanha lançada pelas casas legislativas do país para a vacinação contra a Covid-19 e a independência dos estados para a obtenção de vacinas, conforme aprovou o Supremo Tribunal Federal. Limma anunciou que a live sobre a atuação do Piauí será exibida às 19 horas desta quinta-feira. Afirmou também que o Piauí não aceita qualquer tipo de banalização da pandemia.

O deputado Paulo Martins  (PT) falou sobe a licitação para a recuperação de estradas em municípios da região Norte do Piauí pelo DER-PI e defendeu um Voto de Aplauso ao governador Wellington Dias pelas ações que vem realizando no combate à Covid-19. Para Paulo Martins, as maiores dificuldades para o combate à pandemia decorrem do desrespeito do presidente Bolsonaro, que só é eficiente em medidas que trazem prejuízo ao país, como foi a perda de 70 bilhões na Petrobras em apenas dois dias.

A deputada Elisângela Moura  (PCdoB) parabenizou o governador Wellington Dias por ter o Piauí o terceiro melhor desempenho no combate à Covid-19. A deputada disse que no combate à pandemia a consciência da população é o melhor lock dawn. Ela falou também sobre projeto de lei de sua autoria, que coloca a galinha caipira da canela preta como patrimônio cultural do Estado. Ela concluiu sua fala enviando voto de pesar pelo falecimento de Francisco Cardoso, por covid-19, em Cocal dos Alves.


Os deputados João de Deus e Francisco Limma (PT) acrescentaram dados às suas falas anteriores. O primeiro em pesar pela morte de Francisco Cardoso e o segundo em apoio ao projeto de Elisângela Moura sobre a galinha da canela preta como patrimônio cultural do Piauí.

Saiba mais sobre: