Câmara aprova requerimento de “Lockdown total” por 12 dias

De acordo com o documento apenas serviços considerados essenciais e delivery funcionariam
Por Alexandra Teodoro

A Câmara Municipal de Teresina aprovou na manhã desta quarta (17), com 16 votos favoráveis, um requerimento de autoria do vereador Joaquim Caldas (MDB) solicitando a Prefeitura de Teresina “fechar” a cidade de Teresina pelos próximos doze dias. O requerimento surgiu após o colapso na saúde de Teresina que registrou na manhã desta quarta uma fila de mais de 50 pessoas contaminadas por Covid em espera por uma UTI. De acordo com o documento apenas serviços considerados essenciais e delivery funcionariam durante o período.

Trabalhador do ramo alimentício o vereador, favorável à flexibilização do funcionamento do comércio em 2020, justificou o fechamento e esclareceu que a decisão será benéfica também aos empresários após diálogo com a classe.

“Infelizmente estamos vendo um quadro de caos, amigos morrendo na fila de espera por UTI’,s. Atingimos o ápice da pandemia e não temos como permanecer nesta situação, vamos trabalhar para criar um cenário de estabilidade para funcionamento do comércio voltar a abrir com mais segurança ao fim dos doze dias. Dialogamos com os empresários de bares e restaurantes que defendem uma decisão rígida, ou fecha tudo ou não fecha nada” disse o vereador.

O documento segue agora para apreciação da Prefeitura da capital que decide se acata ou não o documento

Saiba mais sobre: