Corinthians vence o Grêmio e conquista título da Supercopa feminina

Em partida equilibrada e cheia de alternativas, Gabi Zanotti marca aos 48 minutos do segundo tempo
Por globo.com

Virou rotina!

Foto: AssessoriaO Corinthians venceu o Grêmio por 1 a 0, na manhã deste domingo, e conquistou o título da 1ª edição da Supercopa do Brasil feminina.
O Corinthians venceu o Grêmio por 1 a 0, na manhã deste domingo, e conquistou o título da 1ª edição da Supercopa do Brasil feminina.

O Corinthians venceu o Grêmio por 1 a 0, na manhã deste domingo, e conquistou o título da 1ª edição da Supercopa do Brasil feminina. Em confronto equilibrado, cheio de alternativas e com bom futebol de ambos os times, o Timão marcou com Gabi Zanotti, aos 48 minutos do segundo tempo, para garantir mais uma taça na extensa galera de conquistas recentes do clube. 

Empilhando títulos

A inédita conquista aumentou ainda mais a galeria de títulos do Corinthians desde 2016. O Timão é grande bicho-papão do futebol feminino brasileiro. Veja abaixo os troféus conquistados:

Supercopa (2022); Copa do Brasil (2016); Paulistão (2019, 2020 e 2021); Brasileirão (2018, 2020 e 2021); Libertadores (2017, 2019 e 2021).

Campanha

A campanha do título do Corinthians teve três jogos. Na primeira fase, vitória no clásico sobre o Palmeiras. Na semifinal, vitória sobre o Real Brasília. Na decisão, novo triunfo, desta vez sobre o Grêmio, e mais um título conquistado.

Primeiro tempo

O primeiro tempo foi marcado por uma verdadeira pressão do Corinthians sobre o Grêmio. Apesar do amplo domínio, as donas da casa não conseguiram converter as inúmeras chances criadas em gol. Apostando o contra-ataque, o Grêmio incomodou muito pouco a defesa do Corinthians e a goleiro Paty, que ficou sabendo que seria titular durante o aquecimento, após lesão da titular Kemelli. Um jogo movimentado na Neo Química Arena nos 45 minutos iniciais, com a goleira Lorena, do Grêmio, conseguindo segurar o poderoso ataque do Corinthians.

Segundo tempo

O Grêmio começou melhor o segundo tempo e conseguiu equilibrar as ações. Aos poucos, o Corinthians voltou a pressionar e ter as melhores chances. Sob batuta das xarás Gabi Portilho e Zanotti, as donas da casa pressionaram e conseguiram o gol do título apenas aos 48 minutos do segundo tempo. Após cobrança de escanteio, Gabi Zanotti subiu mais alto que a defesa do Grêmio e marcou o gol do título do Corinthians.