Espaço Gonzagão, dedicado à arte e cultura, homenageando o Rei do baião

Além do Rei do Baião, objetos relacionados à comunicação, itens de coleção estão presentes no espaço
Por Alexandra Teodoro

Wilson Seraine é FÍSICO E PROFESSOR por profissão. Mas, também é um dos mais conceituados pesquisadores sobre a vida e obra de Luiz Gonzaga, o Rei do Baião. Há quase 25 anos ele estuda a história e obra de Luiz Gonzaga, e é considerado um dos especialistas mais respeitados do Brasil, quando se trata da vida e obra do “Rei do Baião”.

Em Teresina, ele preside a Colônia Gonzaguiana (grupo de fãs do Rei do Baião, músicos e pesquisadores), que promove eventos culturais na cidade. Entre eles, a Procissão das Sanfonas, que há 10 anos leva a música do Rei do Baião pelas ruas do centro de Teresina, e a Missa de Santa Luzia, uma homenagem ao nascimento de Luiz Gonzaga. 

Wilson Seraine também é autor de sete livros nos segmentos de educação e cultura popular, é membro da Academia Brasileira de Literatura de Cordel, membro da Academia Piauiense de Literatura de Cordel, integra o Conselho de Cultura do Estado do Piauí e apresenta, na FM Cultura de Teresina, o programa semanal “A Hora do Rei do Baião”.

O espaço cultural Gonzagão é um museu que o Wilson Seraine organizou em sua própria residência. Tem objetos curiosos, objetos pessoais do Luiz Gonzaga como uma de suas roupas de show. Tem discos de vinil raríssimos desse artista impar. Quadros, miniaturas, etc. Uma dica é perguntar a ele quantas peças ele tem que são relacionadas ao Rei do Baião e qual seria o objeto mais raro ou mais curioso que ele tem.

Além do Rei do Baião, objetos relacionados à comunicação e itens de coleção estão presentes no MUSEU. Máquinas fotográficas e filmadoras, ainda à corda, que remontam ainda ao final do século 19 ou começo do século 20. Veja a matéria da TV ASSEMBLEIA do Piauí.

Saiba mais sobre: