28 coisas que fizeram sucesso na década de 80 e 90

Vale a pena viajar no tempo... através de objetos que marcaram época
Por Alexandra Teodoro

É extremamente estranho pensar que nós, que fomos adolescentes nos anos 80 e 90, já fizemos pesquisas nas enciclopédias Barsa e Larousse, que usamos internet discada, ouvimos walkman, brincamos de tazo e ioio e que precisavamos de fichas para jogar fliperama. Hoje, a tecnologia é tanta e tudo mudou de uma forma tão intensa que vivemos nossa adolescência em um passado muito distante. Por isso, para relembrar e matar a saudade, olha essa pequena lista

Foto: ArquivoUrsinhos
Ursinhos

:

Foto: ARQUIVOComputador
Computador

1- COMPUTADOR

É até estranho pensar que há menos de 20 anos usávamos computadores imensos e com internet discada. Conforme os anos iam passando, os computadores se tornavam menores e foi nos anos 80 que começou a se tornar bem popular, já que nesta época foram criados os 1ºs computadores de uso pessoal e ao alcance de todos, ao mesmo tempo em que eram criados programas especiais que fariam toda a diferença (como o famoso sistema operacional chamado DOS). Irei descrever abaixo os computadores dos anos 80 que mais fizeram sucesso:

No início dos anos 80 já existiam mais de 1 milhão de computadores nos Estados Unidos e destes, muitos já possuíam acesso à rede de Internet (Na década de 70 era usado apenas pelos militares americanos). Com a popularização dos computadores muitos modelos surgiram, sendo os principais fabricantes as empresas IBM, Cray Research, Compaq, Texas Instruments, Apple, Atari, Commodore, Radio Shack e Prológica.

Foto: ArquivoWalkman
Walkman

2- WALKMAN

O walkman foi febre e, depois, avançou para o discman. O wlakman foi o aparelho que revolucionou o consumo de música, o primeiro reprodutor de música portátil do mundo. Se a geração de hoje é ávida por consumir conteúdos multimídia em um smartphone, em 79 o desejo dos jovens era ter um Walkman, colocar seus fones e escutar suas músicas aonde fossem. O Walkman foi um daqueles produtos revolucionários, responsáveis por criar um antes/depois. O produto ficou tão popular que o nome Walkman acabou virando sinônimo para qualquer modelo de toca-fitas portátil criado na época.

3- ENCICLOPÉDIA BARSA

A enciclopédia Barsa, assim como a Larouse, eram nossas fontes de pesquisa para escolas, faculdades e diferentes tipos de trabalhos. E uma curiosidade: quando a Encyclopaedia Britannica anunciou, há seis anos, o encerramento da sua edição impressa, parecia o começo do fim de um modelo de coleção de livros que durou séculos.

Foto: ArquivoBarsa
Barsa

Não foi o que aconteceu. No Brasil, a Enciclopédia Barsa segue firme e forte no papel. Mesmo com a concorrência da internet grátis e uma versão online disponível para assinantes, a coleção de 18 volumes e mais de 6.000 páginas continua o principal produto da publicação, criada no Brasil há mais de 50 anos e que subsidiou gerações inteiras de trabalhos escolares e acadêmicos.

Foto: ArquivoTamagotchi
Tamagotchi

4- BICHINHO VIRTUAL

O bichinho virtual ficou famoso em suas mais diversas formas e cores, mas o mais conhecido era esse, o Dinus. A motivação do brinquedo consiste em cuidar do animalzinho virtual como se fosse real, dando-lhe carinho virtual, comida virtual, banho virtual, cuidados virtuais etc. Já existem duas novas versões do Tamagochi (ou Tamagotchi). O Tamagochi apresentado na imagem é a primeira versão. Já na versão 2 ele vem com sensor infravermelho permitindo que os Tamas se comuniquem entre si e até tenham filhos. O Tamagotchi Connection V3 foi lançado em 2005 no Japão e só agora está se espalhando pela Europa. É o novo "Tamagotchi Connection", que, além do sensor infravermelho e de jogos e funções adicionais àquelas conhecidas, tem interação com o computador, em um site "Tamagotchi Town", onde pode-se adquirir produtos virtuais através dos pontos ganhos em jogos. Não paga nada para entrar e se divertir. Nem para adquirir os produtos virtuais. Estes são armazenados em seu Tamagochi V2.

Foto: ArquivoVideocassete
Videocassete

  5- VIDEO CASSETE

Ah, os videos cassetes. Quem nunca enroscou e estragou uma fita que amava neles?

6- PAGER

Foto: Arquivopager
pager

O aparelho precedeu a tecnologia dos celulares.

Foto: ArquivoICQ
ICQ

7- ICQ

Foi exatamente graças a ele que muitos de nós aprendemos a paquerar. O icq, usado naquele computador imenso e com aquela internet discada super barulhenta, causava briga entre irmãos - que combinavam horas alternadas para usar. Criado em 1996, o ICQ foi um dos primeiros aplicativos de bate-papo do mundo e hoje (15/11) completa 20 anos. Passou rápido, não é? Durante essas duas décadas, o programa evoluiu de uma versão exclusiva para desktop para um aplicativo de mensagens compatível com várias plataformas, como o iOS, o Android e o Linux – sem contar sua versão online que não precisa de download.

8- STARTAC

Foto: ArquivoStartac
Startac

O startac é um dos aparelhos antigos mais lembrados até hoje. O Motorola Startac foi um telefone celular do tipo clamshell/flip fabricado pela Motorola. Foi lançado em 3 de Janeiro de 1996, sendo o primeiro celular com flip já lançado. O StarTAC é o sucessor direto do MicroTAC, um celular com um design semi-clamshell que foi lançado em 1989. Enquanto o flip do MicroTAC ficava abaixo das teclas, o StarTAC continua um flip acima do seu display. Em 2005, a PC World colocou o StarTAC na lista dos 50 Melhores Gadgets dos Últimos 50 Anos na sexta posição.

9- MEGA DRIVE 

Sem dúvidas, o Mega Drive foi um dos video games mais amados do mundo!

Foto: ArquivoMega Drive
Mega Drive

  

Com direito à jogos em fitas, que precisavam ser sopradas quando travavam. Saudades, Sonic.

Foto: ArquivoAgenda eletrônica
Agenda eletrônica

10- AGENDA ELETRÔNICA

A agenda tinha a versão feminina (Barbie e Minnie) e masculina (Mickey). Antes do smartphone ou do Palm, a agenda eletrônica fez um grande sucesso. Salvava a memória de muitas pessoas com agendas de telefone, aniversário de contatos, compromissos, pequenos memos, despertador etc. Uma raridade eletrônica nos dias de hoje, onde foi substituída por tablets e modernos aparelhos de celular. 

11- PASTA DE DENTE TANDY

Nos sabores uva, tutti frutti, chiclete e morango, as pastas - nas versões tubo e bisnaga - eram as preferidas das crianças da época.

12- LAPISEIRA

A lapiseira em gominhos também era febre nas escolas.

13- BORRACHA

Assim como as lapiseiras, as borrachas também desmontavam. Inclusive a maioria das crianças perdia alguns gominhos ao longo do ano.

Foto: ArquivoEstojao
Estojao

14- ESTOJÃO

O famoso estojão preto era super completo. Tinha lápis, canetinha, giz de cera, aquarela, tesoura...

15- CARIMBOS

Os carimbos, assim como os adesivos, eram comuns em correções pelas professoras e também entre os alunos.

16- BRINCO ADESIVO

Meninas de diferentes idades amavam o brinco de colar. O que falar desses brincos de adesivo que fizeram tanto sucesso na década de 80? 
A verdade é que eu só furei a orelha em 1992, aos 11 anos, então esses brinquinhos eram uma ótima opção. No entanto, muita gente que tinha furo também comprava e achava o máximo! Outras pessoas, quando queriam inovar, usavam os brincos para fazer um "look" indiano. Os camelôs eram os maiores vendedores, mas você encontrava as cartelinhas em tudo quanto é lojinha.

17- BATOM VERDE QUE FICAVA VERMELHO

Foto: ArquivoBatom
Batom

Hoje as pessoas falam sobre o vestido branco que na verdade é azul ou vice versa, mas nos anos 80 o batom verde que ficava vermelho já era sucesso!Febre nos anos 80, quando nossas mães traziam caixas e caixas do Paraguai, o mítico batom verde, também conhecido como batom de henna ou batom do humor, voltou à moda por causa da internet. O lance é que esse batom, dizia a lenda, reagia com a química de cada corpo dando uma cor única e diferente para cada boca. “Apesar de incolor, quando entra em contato com a pele reage com a umidade, com o pH e também com a temperatura dos lábios, e por isso é capaz de mudar a cor da boca,” diziam. 

Com henna ou não, trata-se de um batom com fórmula similar a qualquer outro: uma mistura de cera e lanolina, porém com um tipo de conservante chamado propilparabeno. Esse composto químico, que no passado estava presente em quase todos os cosméticos do mundo, hoje em dia é colocado em xeque devido a possíveis riscos que podem causar saúde, como alterações hormonais e até câncer.A indústria de cosméticos defende dizendo que os níveis são seguros. Os mais puristas questionam.

O fato é: algo que fica grudado na sua pele, mais especificamente na boca, por 24 horas, algum químico muito poderoso deve ter, né?

Foto: Arquivoanel
anel

18- ANEL DO HUMOR

O anel mudava de cor conforme o humor - ou a temperatura da pele - de quem usava. Uma curiosidade: O anel do humor – aquele cuja pedra muda de cor de acordo com o humor ou estado emocional do usuário – foi inventado por Joshua Reynolds. Eles ficaram muito populares nos anos 70. Você já parou para pensar em como isso funciona? A pedra do anel do humor é um quartzo oco, que contém cristais líquidos termotrópicos. O que acontece é que esses cristais se movimentam em resposta a mudanças na temperatura corporal, o que muda sua estrutura molecular, fazendo a cor se alterar. Os anéis do humor são calibrados para emitir a cor verde à temperatura periférica corporal normal (cerca de 30 graus). Com o aumento da temperatura – que acontece em caso de paixão ou felicidade -, os cristais passam a refletir o azul. Quando o corpo está agitado ou estressado, o fluxo sanguíneo se direciona aos órgãos mais internos, esfriando os dedos, o que faz os cristais refletirem a cor amarela. Se os cristais se danificam, a pedra se torna cinza ou preta – um sinal de que eles não estão respondendo às alterações de temperatura.

19- JOGO STOP

Foto: ArquivoJogo stop
Jogo stop

O jogo STOP era um dos preferidos entre jovens e adultos da época.

Quem já brincou da brincadeira do "Stop" em meados anos 80 e 90? O jogo era o favorito nas tardes ociosas, lembra?

Bastavam duas pessoas, uma folha de papel, criatividade e contar com a memória. O jogo tão popular, agora ganha versão on line e pode ser encontrado nos apps para androide ou IOS. 

20- URSINHOS PARMALAT

Sim, eles eram um sucesso. Sim, todos nós queríamos eles. Se você era pai, mãe ou criança na década de 1990, com certeza se lembra até ... bichos de pelúcia em troca de códigos de barra do produto foi uma febre

Foto: ArquivoUrsinhos
Ursinhos