Terapeuta fala da energia do ano que chega

Será um ano representado no Tarô pelo Arcano Os Enamorados
Por Alexandra Teodoro

Ano Novo quando chega, traz expectativas, incertezas e esperanças também. Ainda mais se for em um período conturbado, como tem sido os dois últimos anos. Desde que a pandemia chegou, todas as questões da vida dependem ou estão de algum modo ligadas às consequências decorrentes dessa situação. Mas xô negatividade, o que podemos esperar do ano que entra agora?

A Terapeuta energética Isolda Monteiro nos explica que segundo a numerologia o ano de 2022 vibrará a energia 6. “É um ano em que as nossas ações e realizações se darão especialmente no nosso núcleo familiar, comunidade e amigos para assim expandir. Momento de reconstrução”, comenta.

Nesse universo ela destaca que ajuda mulheres através de sessões de terapia, a (re)descoberta do sagrado feminino e a se conectarem com sua essência e se tornarem conscientes de todo seu potencial criativo.

Foto: AssessoriaIsolda Monteiro
Isolda Monteiro

O que podemos esperar de 2022? Isolda reforça: “como tudo na vida, os resultados dependem das nossas ações e em anos de energia 6 pesa muito a questão da responsabilidade, principalmente no que a afeta a coletividade”. Ou seja, de nada adianta ler e reler previsões, estudos e não agir para construir seu futuro. “É entendermos que as mudanças acontecem, de forma positiva ou negativa, de acordo com a forma que agimos, portanto, será muito importante priorizar a responsabilidade social, compromisso, respeito às leis , trabalho em equipe”, disse a terapeuta que fez questão de destacar a importância de se colocar no lugar do outro: “ se não valorizarmos as relações interpessoais, estaremos propensos a vivenciar o autoritarismo, desrespeito à liberdade, situações de indecisão e insegurança”

Foto: arquivoarcano 6
arcano 6

Será um ano representado no Tarô pelo Arcano Os Enamorados que fala de escolhas e parcerias, mas não se trata simplesmente das escolhas diárias , nem de dúvidas comuns da vida, mas de escolhas de alma. “É sem dúvida alguma um ano para trabalhar a liberação de apegos emocionais e de trabalhar o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal”, conclui Isolda Monteiro

*Isolda Monteiro

Terapeuta energética, jornalista, feminista, sacerdotisa do Círculo da Grande Mãe, numeróloga, taróloga e contumaz observadora do mundo. Uma mulher em construção.

Instagram @isoldamonteiro.terapeuta

Saiba mais sobre: